Estudos sobre origem do vírus têm de ser aprovados pelo governo - Plataforma Media

Estudos sobre origem do vírus têm de ser aprovados pelo governo

O governo chinês colocou restrições às pesquisas sobre as origens do Covid-19, confirmou a CNN. A estação televisiva norte-americana baseia a sua informação em avisos colocados online por parte de duas universidades chinesas, que, entretanto, foram removidos. Contudo, a informação acabou por ser confirmada pelo próprio governo da China.

Relata o canal televisivo que “todos os trabalhos académicos do Covid-19 estarão sujeitos a exames adicionais antes de serem submetidos para publicação. Os estudos sobre a origem do vírus receberão um exame extra e devem ser aprovados pelos funcionários do governo central, de acordo com os posts agora excluídos”.

Desde há algumas semanas que o governo norte-americano acusa a China de não revelar toda a verdade sobre esta pandemia, que teve início em território chinês, Wuhan, no passado mês de dezembro de 2019. Com esta nova medida, os EUA voltam a atacar o governo de Xi Jinping, salientando que este é mais um passo do “governo chinês para controlar a narrativa sobre as origens da pandemia de coronavírus”

A CNN entrou em contacto com o Ministério das Relações Exteriores da China para comentar este caso, acabando por confirmar a notícia. “Não é para ser tornado público – é um documento interno”, disse fonte do Ministério.

Related posts
Cultura

Ator Pedro Lima “não estava em aperto financeiro”

Sociedade

Casos caem para menos de 500 na parte continental da China

MundoSociedade

França ultrapassa barreira dos 25 mil mortos

MundoSociedade

Itália regista mais 195 mortes e continua a reduzir casos

Assine nossa Newsletter