Pinto da Costa escreveu carta a sócios com mais de 70 anos - Plataforma Media

Pinto da Costa escreveu carta a sócios com mais de 70 anos

Cerca de 4.480 revistas foram entregues através do correio aos sócios que estão no grupo de risco associado à covid-19, no mesmo dia em que a publicação foi colocada em formato digital no site do clube, e acessível a todos.

Na carta enviada aos associados, Pinto da Costa enviou palavras de esperança e apontou os quatro pilares que, segundo o dirigente, orientam o emblema “azul e branco’: “Rigor, competência, ambição e paixão”.

“Neste caso, rigor no cumprimento das indicações dos procedimentos definidos pelo Governo e entidades sanitárias. Competência em todas as nossas decisões, para o nosso bem e da comunidade. Ambição em vencermos esta luta sem tréguas, onde não pode haver desânimos nem fraquezas. Paixão pela vida! Pela nossa e sobretudo pela dos nossos familiares e amigos”, sustentou Pinto da Costa.

“Se formos fiéis a essas quatro palavras, em breve nos juntaremos no nosso Dragão para convivermos, para festejar as nossas vitórias e sobretudo para vivermos! Força Dragão”, concluiu.

A mesma ideia de confiança num futuro melhor é apoiada na Página do Presidente – espaço na revista “Dragões’ da autoria do dirigente.

“Momentos como este exigem união, solidariedade e responsabilidade. Só os laços que nos unem como comunidade poderão ajudar-nos a ultrapassar esta fase”, escreveu ainda.

A nível global, segundo um balanço da AFP, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 167 mil mortos e infetou mais de 2,4 milhões de pessoas em 193 países e territórios.

Mais de 537 mil doentes foram considerados curados.

Em Portugal, morreram 735 pessoas das 20.863 registadas como infetadas, de acordo com a Direção-Geral da Saúde.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Artigos relacionados
MundoSociedade

Covid-19: Debaixo de críticas, Bruxelas quer agilizar candidaturas de vacinas

Política

Tóquio pede a Pequim o fim de testes anais de covid em seus cidadãos

MundoSociedade

OMS diz que é prematuro e "não realista" pensar-se que a pandemia acabe este ano

PortugalSociedade

Mais 34 mortes e 394 novos casos nas últimas 24 horas

Assine nossa Newsletter