MNE português relembra Acordo de Alvor sobre conflitos em Cabinda - Plataforma Media

MNE português relembra Acordo de Alvor sobre conflitos em Cabinda

O Ministério dos Negócios Estrangeiros de Portugal está atento aos conflitos em Cabinda e numa resposta ao Plataforma sobre os problemas atuais naquele território angolano, o governo recordou o Acordo de Alvor para sustentar a mesma

“O Acordo de Alvor de 1975, cuja validade foi reconhecida pelas Nações Unidas e pela então Organização de Unidade Africana (OUA), estabelece no seu artigo 3º que Portugal reconhece a independência de Angola, como uma “entidade una e indivisível nos seus limites geográficos políticos atuais e, neste contexto, Cabinda é parte integrante e inalienável do território angolano”, lia-se na resposta enviada ao Plataforma.

Apesar das tentativas de contacto com a Presidência Angolana e com o Governador da Província de Cabinda, o Plataforma continua a aguardar uma reação das autoridades angolanas sobre os conflitos atuais.

Related posts
AngolaPolítica

Ativista de Cabinda libertado após sete meses diz que detenções são recorrentes

AngolaPolítica

Deputados em Angola autorizaram construção de refinaria em Cabinda

AngolaCultura

Museu Regional de Cabinda regista redução de visitantes

AngolaSociedade

Falsificadores de testes covid-19 presos em Cabinda

Assine nossa Newsletter