Irmã de Evo Morales morre na Bolívia, vítima de Covid-19 - Plataforma Media

Irmã de Evo Morales morre na Bolívia, vítima de Covid-19

Esther Morales, irmã mais velha do ex-presidente da Bolívia, morreu na madrugada deste domingo, uma semana após ter sido internada num hospital na cidade de Oruru com Covid-19

“Neste momento de profunda dor, acompanho toda a família Morales, meu cunhado Ponciano Willcarani, meus sobrinhos e netos por causa do falecimento de Esther, que foi uma mãe para todos. Minhas condolências. Que descanse em paz”, escreveu Evo Morales, que está na Argentina, na sua conta no Twitter.

O ex-presidente lamentou também não poder ter visto a irmã pela última vez. Morales deixou a Bolívia em novembro do ano passado, após renunciar ao cargo de presidente. “Para mim, Esther foi como uma mãe”, afirmou.

Esther Morales tinha 70 anos e morreu na cidade de Oruro, onde morava, em pleno planalto continental boliviano. Estava internada devido à Covid-19 desde a semana passada, mas segundo a imprensa boliviana, padecia de outros problemas de saúde, que não foram divulgados.

Era a irmã mais velha de Evo Morales. Agora, dos sete filhos que Dionisio Morales e Maria Ayma tiveram, apenas o ex-presidente e seu irmão Hugo estão vivos. Os outros quatro morreram ainda durante a infância.

Curioso é que a irmã por pouco foi a primeira-dama da Bolívia quando Evo chegou ao poder em 2006. Como era solteiro naquela época, poderia indicar a irmã para o cargo, mas preferiu não fazê-lo.

Durante o primeiro mandato de Morales, Esther chegou a ter um papel semelhante, mas o político – de orientação socialista -,explicou que tomou a decisão de não colocá-la no cargo para evitar críticas de favorecimento a familiares.

Artigos relacionados
Mundo

Bolívia investiga morte de 35 condores supostamente envenenados

MundoPolítica

Bolívia vai tributar fortunas. "Os ricos podem fazer quarentena"

MundoSociedade

Bolívia reconhece pela primeira vez união de casal do mesmo sexo

MundoSociedade

Cientistas avisam para transmissão humana de misterioso vírus na Bolívia

Assine nossa Newsletter