Em dia de recorde de mortes por Covid-19 no Brasil, Bolsonaro fala contra uso de máscaras - Plataforma Media

Em dia de recorde de mortes por Covid-19 no Brasil, Bolsonaro fala contra uso de máscaras

Sem mencionar origem dos dados, presidente cita supostos malefícios provocados por artefato em crianças.

No dia em que o Brasil registrou o maior número de óbitos pela doença em 24 horas em toda a pandemia, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) usou sua live semanal para se manifestar contra o uso de máscaras de proteção.

Nesta quinta-feira (25), foram registradas 1.582 mortes de brasileiros pela Covid. Dados apontam que o país vive o pior momento da pandemia, com expansão da doença em diversos locais.

“Pessoal, começam a aparecer estudos aqui, não vou entrar em detalhes, né, sobre o uso de máscaras, que, num primeiro momento aqui, uma universidade alemã fala que elas são prejudiciais a crianças”, começou Bolsonaro, sem mencionar a origem dos dados.

“Começam a aparecer aqui os efeitos colaterais das máscaras”, disse Bolsonaro após listar questões como irritabilidade, dor de cabeça, dificuldade de concentração, diminuição da percepção de felicidade, recusa em ir para a escola ou creche, desânimo, comprometimento da capacidade de aprendizado, vertigem e fadiga.

Leia mais em Folha de S.Paulo

Related posts
BrasilLifestyle

Governo do Rio de Janeiro reconhece erro em campanha contra Covid-19

BrasilReligião

Covid-19: Supremo do Brasil decide que Estados e municipios podem proibir missas

BrasilPolítica

Bolsonaro ignora 4 mil mortes, ironiza título de genocida e critica medidas restritivas

BrasilEconomia

Impasse no Orçamento atrasa 13º de aposentados e programa de corte de jornada e salário

Assine nossa Newsletter