Já se sabe a razão da fúria de Melinda que levou à separação de Bill Gates: foi Jeffrey Epstein - Plataforma Media

Já se sabe a razão da fúria de Melinda que levou à separação de Bill Gates: foi Jeffrey Epstein

Ex-mulher de Bill Gates não gostava da relação que ele mantinha com o polémico financeiro condenado por abuso sexual. E foi isso que espoletou o divórcio.

As linhas do divórcio entre Bill e Melinda Gates, que se separaram há duas semanas, espantando o Mundo naquele que é já considerado o divórcio do ano, podem ser rastreadas até 2019. Foi aí que as ligações entre o bilionário fundador da Microsoft e o polémico financeiro Jeffrey Epstein se tornaram públicas.

Epstein, como sabemos, foi condenado mais do que uma vez desde 2008, por abuso sexual de menores, e morreu na prisão por alegado enforcamento, em agosto de 2019, quando tinha 66 anos, e aguardava novo julgamento por acusações de tráfico sexual.

Leia mais em Jornal de Notícias

Assine nossa Newsletter